Diário de Winston Smith << Duplipensar.net

Diário de Winston Smith
Winston Smith é o protagonista da obra-prima de George Orwell, 1984. Num mundo em que os todos são vigiados permanentemente através da tecnologia, Winston compra um simples bloco de papel para registrar seus pensamentos


  Diário de Winston Smith, o blog do Duplipensar.net

O presente é o passado
A absoluta reconquista mexicana
George Orwell é o segundo melhor escritor britânic...
Jogador muda de nome para a Copa do Mundo de Rugby...
Corra que a polícia vem aí!
Bebê fica famoso na web antes de nascer
O Grande Irmão Chávez usa a tragédia do Peru para ...
Governo português, CIA, FBI e Vaticano alteram a ...
Decida pelo terceiro mandato de Lula
Curiosidades incovenientes do Pan
O Ministério da Verdade informa os próximos passos...


O passado é o presente
06.2004
07.2004
08.2004
09.2004
10.2004
11.2004
12.2004
01.2005
02.2005
03.2005
04.2005
05.2005
06.2005
07.2005
08.2005
09.2005
10.2005
11.2005
12.2005
01.2006
02.2006
03.2006
04.2006
05.2006
06.2006
07.2006
08.2006
09.2006
10.2006
11.2006
12.2006
01.2007
02.2007
03.2007
04.2007
06.2007
07.2007
08.2007
09.2007
02.2008
04.2008

Página Atual

 



Internauta chinês não pode postar mais anonimamente

Tem gente que adora países com ditadura e odeia o mundo ocidental. Duplipensadamente adoram o modo de vida do Ocidente e odiariam viver numa ditadura como a chinesa.

Geralmente este tipo de pessoa se esconde atrás de um usuário anônimo nos sites de relacionamento e para camuflar a sua triste vida joga de Sims de dia e de noite vaga pelos blogs e Orkut. Sempre secretamente.

Na China este pessoal está com os dias contados. A ditadura chinesa pode forçar em breve o registrar obrigatório dos internautas (nome, endereço, e tudo mais). Qual o objetivo principal? Não ter inimigos do Estado. Este é o sonho do governo Lula. E da oposição também!

Na China não é incomum ser punido por criticar o Estado ou então postar algo que possa ser ofensivo (para eles), perigoso (para eles) e subversivo (para eles).

Internautas chineses terão de se registrar na Sociedade da Internet da China, órgão do Ministério da Informação daquele país.

O governo informa: os pseudônimos continuarão na China. Só que devidamente registrados no Ministério. Ou seja, será apenas um nick name controlado.




Militante petista foi mordida por eleitora de Lula

Sabe aquela militante do PT que queria ficar igual ao Lula? Pois é. Ela foi mordida por uma eleitora do próprio candidato à reeleição.

Segundo a mordedora ela não queria discutir política e foi agredida verbalmente. A mordida foi apenas uma resposta.

Veja bem. Lula está a 20% de distância de seu oponente. Só não perde a eleição se flagrarem um vídeo de última hora provando que ele sabia de tudo ou se, ao mesmo tempo, o papa, a primeira-dama e o bispo Macedo declararem que votarão em Alckmin.

O quadro e esse e criam-se mártires. Imagine o caos que estaria "nestepaiz" se a diferença fosse de 2%?




Convenção de palhaços no México. E neste país?



Começou na Cidade do México nesta segunda-feira a Convenção de Palhaços da América Latina. Realizada anualmente os organizadores contabilizaram mais de 500 palhaços.

Além dos mexicanos estiveram presentes palhaços de outros países da América Latina como Belize, Guatemala, Colômbia, El Salvador, Porto Rico, República Dominicana, Costa Rica e Estados Unidos. Estados Unidos? Sim, ou você ainda acredita que os EUA são anglo-saxões?

Jaime Segovia, organizador do evento diz que a profissão é séria. A convenção de quatro dia pretende profissionalizar os palhaços e garantir melhoria de condições de trabalho.

Enquanto isso ?nestepaiz?...

A julgar pelos programas dos candidatos fica cada vez mais claro que eles acham que os palhaços são os eleitores, os quais são obrigados a digitar no dia 29 a opção entre o ruim e o pior.

E isto não tem graça nenhuma.




O Vil Metal ou O milionário trapalhão e a cabelereira exemplar

Duas notícias do dia.

1) MILIONÁRIO FURA PICASSO DE 390 MILHÕES.
Calma. Não é pornografia. O magnata dos cassinos Steve Wynn conseguiu leiloar um quadro de Pablo Picasso por US$ 180 milhões (cerca de R$ 390 milhões). Dias depois, o azarado deu uma cotovelada sem querer e furou a obra de arte.

2) CABELEREIRA DOA 35 MILHÕES DE DÓLARES PARA UNIVERSIDADE
Eugenia Dodson passou a vida economizando e conseguiu juntar uma fortuna. E olha que ela não era política e não recebia o bolsa-ditadura. A Sra. Dodson investiu astutamente em ações. Em seu testamento doou 2/3 de todo o seu dinheiro acumulado para a escola de medicina de Miami e 1/3 para um instituição de pesquisa do câncer.

Eugenia Dodson nunca disse que "naquele país" ninguém poderia discutir ética com ela. Ela fez.

O que vem ao caso nem é a ética de "Pai dos Pobres e Amigo dos Bancos". Fiquei pensando em quem compra um quadro de quase 400 milhões de reais. Com este dinheiro dá para construir vários centros de pesquisa. Não vou dar uma de defensor dos fracos e oprimidos e dizer que deveria dar este dinheiro. Não. Imagine se o milionário que comprou o quadro investisse o dinheiro em pesquisas ou abrisse um banco como o prêmio Nobel da paz.

Bom, ele investiu em arte. Poderia ser pior. O mesmo poderia investir em armas, bombas e grupos radicais, certo? Com quantos deputados e países inteiros 400 milhões não compram?

Tem políticos que o dinheiro não compra. Para todos os outros existe o cartão de crédito.

Com este dinheiro dá para ter o equivalente ao patrimônio de 463 Lulas (R$ 839.033,52 em bens declarados) ou 562 Alckmins (R$ 691.699,00 em bens declarados). Estes exemplos não são bons. Vamos comparar com quem ganha um salário mínimo. Um trabalhador acumulará este dinheiro após 92.571 anos para realizar o sonho do Picasso próprio (e se tiver azar, pode acabar furando-o no ano 94.577 D.C).




Carlos Alckmin ou Geraldo Lacerda?

Compare.

"Esse homem não pode se candidatar, se se candidatar não poderá ser eleito, se for eleito não poderá tomar posse, se tomar posse não poderá governar".
Carlos Lacerda sobre a volta de Getúlio ao Catete.

"Se o Lula for reeleito, (o governo) acaba antes de começar. Começa a discutir 2010 no dia seguinte. Para quê perder quatro anos? A nossa proposta é de mudança"
Geraldo Alckmin no debate solitário na OAB.

O contexto é outro, mas será utilizado pela máquina de propaganda petista como se Alckmin fosse um novo Lacerda. O PT vai martelar a frase pela metade "Se o Lula for reeleito, acaba antes de começar." Aposto.

Carlos Alckmin ou Geraldo Lacerda? Só para quem não conhece a história do Brasil. Se Carlos Lacerda fosse o adversário do ex-operário mais rico "destepaiz" os debates seriam incendiários. Lacerda seria mais radical em relação aos projetos sociais para manter as elites políticas no poder e a política externa do Chávez, digo, do Lula.

Depois de tantas bolas furadas, FH escorregando sobre as privatizações não tenho a menor dúvida: o PSDB é o maior cabo eleitoral do PT. Para muita gente do partido vale mais a pena o "Sapo Barbudo" engolir o "Chuchu" em 2006 do que o engolir chuchu a seco até 2010 ou 2014.

Lula pode disputar a eleição em 2010 se:

1) Perder e acusar as elites (Ué, Lula não faz parte da elite econômica e política deste país?) e voltar como candidato favorito em 2010. Uma espécie de Rocky dos pobres no discurso, mas Rocky dos banqueiros na prática. Nunca na história "destepaiz" os bancos lucraram tanto...

2) Ganhar (A hipótese com mais de 90% de probabilidade como o DataWinston antecipou havia meses) e mudar a constituinte para acompanhar a Turma do Chávez até 2030, ou enquanto durar o estoque.

Existe a possibilidade real de Lula ganhar a eleição e perder o mandato antes mesmo de tomar posse. O vice assumirá? Teremos novas eleições?

No país em que as leis pegam ou não pegam tudo pode acontecer. Se Sarney era para convocar novas eleições por que governou cinco anos? Se Collor renunciou antes do impeachment porque perdeu os direitos políticos por anos?

Tudo "nestepaiz" pode acontecer. Não troque o certo pelo duvidoso? A propaganda política cada vez mais se afasta da realidade.

Eleições 2006? Consummatum est.




Carrefour, Fedex e "Brasil: um país de todos"

Você sabia que na logomarca do Carrefour tem a letra C? Olhe para o espaço em branco entre as partes vermelha e azul. Muitas pessoas achavam que era uma âncora, peixes, et´s e coisas do gênero.




Você sabia que a logomarca da Fedex tem uma seta? Olhe entre o "E" e o "X"




Repare na imagem abaixo. O slogan e a logomarca da admnistração Lula é "Brasil: um país de todos". As várias cores representam as cores de nossa bandeira, as cores do povo, tem o rosa para representar os homossexuais. Já pensou porque o "L" de Lula é vermelho?




Eleições sem propostas numa República da América do Sul

Um país da América do Sul está dividido entre dois candidatos nas eleições de outubro. Eles trocam acusações e têm poucas propostas concretas para o seu mandato. Estamos falando do Brasil, certo? Não. O Equador realiza no dia 15 o primeiro turno das eleições presidenciais.

Rafael Correa é o candidato preferido de Hugo Chávez. Ele lidera com 31,1% das intenções de voto. Deve disputar o segundo turno com Alvaro Noboa, que tem 25,2% dos votos válidos.

O tempo passa, o tempo voa e a América Latina continha na mesma.




Banqueiro dos pobres vence o Prêmio Nobel. "Pobre" dos banqueiros mais perto de vencer as eleições neste país

O economista Muhammad Yunus fundou o Grameen Bank em 1976 no Bangladesh. A novidade foi a criação do microcrédito, destinado a desenvolver à população carente nas áreas pobres e rurais de Bangladesh, sem pedir garantia.

A idéia de Yunus ajudou a muitas pessoas e se espalhou pelo mundo. Enquanto isso em Pindorama...

Os bancos comerciais nunca lucraram tanto "nestepaiz". As esmolas nunca foram tantas "nestepaiz". Lula se distância de se rival e já começa a descartar as aparições em debates.

O primeiro passo do salto alto foi a desistência do debate (ou seria embate) previsto para a próxima terça-feira na TV Gazeta, que por não fazer parte das elites "destepaiz" não interessa ao candidato "pobre" dos trabalhadores.

Não dúvido que o Chuchu se curve ao mercado financeiro. Queria registrar apenas que muitos eleitores votarão em Lula por ele ser pobre, sem saber que ele tem R$ 839.033,52 em bens declarados (apenas em seu nome) e recebe do bolsa-ditadura mais de R$ 4 mil por mês, além de salário como presidente e outros rendimentos.

Pobre é o país que tem de escolher entre duas propostas tão pobres.




Francenildo, o caseiro que saiu do Buraco da Memória

E não é que lembraram do Francenildo? Depois de algumas semanas no Buraco da Memória o caso do caseiro volta com força.

A oposição quer relembrar a humilhação que é para o Partido dos Trabalhadores o caso Francenildo. Enquanto os banqueiros nunca lucraram tanto um caseiro é pressionado como louco. Enquanto os mensaleiros dançaram no planalto. Se ela dança eu danço.

Humilhante porque porque o PT tem ministros, presidente, candidatos com muito dinheiro na carteira, incluindo o presidente ?destepaiz?.

Oportunismo do PSDB em ser agora o defensor dos fracos e oprimidos. Qual caseiro ?nestepaiz? que recebe mesadas de R$ 30 mil? Qual o metalúrgico aposentado que tem quase um milhão de reais em bens declarados?

A política é nojenta. E depois ainda querem esculhambar o Clodovil. Tem gente que acha que ele é muito mais homem do que a maioria do Congresso. Não duvido.




O melhor do primeiro debate dos presidenciais foi...

- O melhor do debate não foi a surpreendente rigidez de Alckmin.
- O melhor do debate não foi a arrogância e salto alto de Lula (Dedo em riste, deveria me agradecer...)
- O melhor do debate não foram os inacreditáveis erros de português do presidente. Afinal de contas ele em 2002 não falou que se preparou tanto para o cargo?
- O melhor do debate não foi o eletrizante começo.
- O melhor do debate não foram as acusações que pareciam o sujo falando do esfarrapado.
- O melhor do debate não foi ver o Lula fugindo da pergunta sobre abrir ao público os gastos do Cartão corporativo e nem Alckmin saindo pela tangente do problema da Febem.
- O melhor do debate não foi Alckmin falando que vai construir cinco hospitais com a venda do Aerolula.
- O melhor do debate não foram as caras e bocas dos candidatos na tela dividida quando o outro fazia uma pergunta.

O que foi o melhor do debate?
O melhor do debate foram as entrevistas aos convidados. Uma pena que poucas pessoas viram a cara de insatisfação de José Serra, com a sua sempre "delicadeza". Uma pena que poucas pessoas viram Marta Suplicy piscando os olhos e chamando o candidato adversário de candidato de plástico.

Isto sim foi o melhor do debate.




Bolívia mudará a bandeira



Evo Morales faz direitinho o que o seu mentor fez na Venezuela. Depois de mudar a constituição Hugo Chávez mudou a bandeira e o brasão (agora o Cavalo corre para a esquerda e não mais para a direita).

O partido de Morales quer combinar a atual verde, amarela e vermelha com a Whipala, a bandeira multicolorida do movimento indígena na Assembléia Constituinte.

O anúncio da nova bandeira vem no momento que o país se torna dividido entre as regiões a favor e contra o MAS e Evo Morales. Ontem começaram os distúrbios nas minas entre a população pobre. Aquela que sempre paga o pato das ideologias.

Curioso. A Bolívia adotou uma bandeira assim que se tornou independente da Espanha. Agora vai adotar uma nova para celebrar sua dependência da Venezuela.

E sempre com a força do povo!

Leita também:
- Crise do gás da Bolívia: Lula, o aprendiz de Neville Chamberlain - Eleutério Brandão
- Venezuela e Bolívia: ser ou não ser
- Nova bandeira da Venezuela: reescrevendo o passado




Amazônia privatizada?

Deu no Daily Telegraph: Governo britânico quer transformar a floresta amazônica numa área privada.

O secretário de Meio Ambiente do Reino Unido divulgou no México o plano dos súditos da rainha durante o encontro dos 20 países mais poluidores de todo o mundo. O nome da figura é David Miliband.

Qual o objetivo do plano britânico? Proteger dos sul-americanos atrasados e incompetentes o "potencial" da floresta amazônica. Veja a declaração do ministro britânico: "Claro que há questões de soberania, mas o desmatamento é uma questão importantíssima."

A queda do avião da Gol só contribui para o pensamento eurocêntrico.

Um consórcio internacional seria o administrador da floresta. Pessoas e empresas poderiam adotar cada árvore para mantê-las preservadas dos governos do Terceiro Mundo. A intenção é boa, mas o inferno está cheio delas.

Alguns anos atrás surgiu na Internet um mapa com a Amazônia privatizada de um livro de geografia. Ei-lo.



Os setores de esquerda acusaram logo os EUA, mas quem está comprando terras são os chineses e os europeus. Assim que surgiu o mapa do tal livro de geografia as vozes oficiais vieram para desmenti-lo e transformá-lo em lenda urbana (ou seria lenda digital?).

E agora?




O país dividido após as eleições de 1º de outubro

Eleições 2006 - Mapa com os votos dos candidatos

No primeiro turno das eleições foi notável a divisão do Brasil entre os votos aos presidenciáveis.

Enquanto o Nordeste em peso votou no Lula o Leste do país ficou com Alckmin. Excetuando o "exclave" de Roraima pode-se montar uma linha divisória no Brasil que vai do Acre ao Rio Grande do Sul. Ou seja, Regiões Sul, Centro-Oeste, São Paulo, Acre e Roraima deram o primeiro lugar ao tucano. Enquanto o Nordeste e a maioria dos Estados do Sudeste e Norte deram o primeiro lugar ao candidato do PT.

Em Roraima Alckmin teve o seu maior percentual de votos válidos (59,73%). Amazonas, estado vizinho, Lula ultrapassou os 78% dos votos válidos.

O país praticamente se dividiu de acordo com o mapa. Curiosamente o PT que sempre acusou os políticos de direita de promover ações assistencialistas para manter-se no poder nas regiões mais pobres do país faz o mesmo jogo que antes tanto combatia.

Depois dos escândalos não é mais nenhuma surpresa que o estilingue tenha virado uma vidraça tão bem parecida. Lula não atacou Collor porque este não foi aos debates no primeiro turno em 1989? Lula não atacou Collor pelos escândalos de corrupção em seu governo?

Collor volta ao senado surfando na onda Lula. Assim como a maioria dos mensaleiros e políticos que respondem a processos criminais. Políticos corruptos de todas as ideologias estarão com mais quatro anos de salários garantidos.

E não é que já esqueceram a Cicarelli?