A realidade e a fé em Star Wars: história - O Império Contra-Ataca < Trilogias de Star Wars < Dossiês < Duplipensar.net Português do Brasil  English 
 

 


 


Danilo José Figueiredo - Publicado em 22.10.2003




Publicidade


Reerguido da derrota na batalha de Yavin, o Império destrói o que restou da base Rebelde naquele Planeta e parte em busca da nova localização da Aliança Rebelde.

A base é por fim encontrada no gélido Planeta de Hoth. Lá, dá-se aquela que é talvez a mais emocionante dentre todas as batalhas da série Star Wars, a batalha de Hoth, vencida pelo Império.

Os Rebeldes são quase que totalmente exterminados. Apenas uns poucos conseguem fugir. Dentre eles estava a Princesa Leia, Luke, Han Solo, Chewie e os robôs.

Luke, ao invés de ir se reagrupar com os Rebeldes, segue o conselho do espírito de Obi-Wan e vai a um distante Planeta num sistema chamado Dagobah. Lá, depois de sofrer um acidente com sua nave, ele encontra uma criatura estranha a quem pergunta sobre Mestre Yoda. A criatura, até então caricata, se mostra o próprio Mestre Yoda. O mais rígido, antigo, poderoso e famoso Mestre Jedi da velha Ordem. A pedido do espírito de Obi-Wan, Yoda aceita treinar Luke, a despeito de sua idade, mas com a condição de que ele não se vá antes de completar o treinamento.

Luke, contudo, tem uma visão de que Leia, Han e companhia estão em perigo no lugar em que resolveram ir: a Cidade das Nuvens, no Planeta Bespin.

Nesta cidade, administrada por Lando Calrissian, o Império armou uma emboscada para os Rebeldes. O Imperador havia alertado Vader de que se ele capturasse os amigos de Luke, que estariam em Bespin, conforme o Caçador de Recompensas Bobba Fett havia informado, Luke viria até ele. Obedecendo os desígnios de seu Mestre, Darth Vader foi a Bespin e congelou Han Solo em Carbonite para que ele fosse entregue a Bobba Fett, que o levaria até Jabba, the Hutt, seu credor. Destróier espacial do Império

Luke, contrariando Yoda e sua promessa, abandona os treinamentos e vai até Bespin confrontar Vader. Porém, ele não está preparado e quase é seduzido pelo Lado Negro da Força.

O artifício que Vader utiliza para convence-lo é o amor, pois o vilão conta ao rapaz que, na verdade, ele e Anakin Skywalker são a mesma pessoa, sendo assim, Darth Vader é pai de Luke Skywalker.

No duelo entre pai em filho, Luke perde a mão e, ao invés de se render, prefere arriscar a própria vida deixando-se cair numa saída de lixo. No final Luke é salvo por Leia e Lando Calrissian e fica sem saber se Vader lhe disse ou não a verdade.

Voltar para o Especial Fábulas e realidade nas trilogias de Star Wars »


[+] Envie este artigo para um amigo: