O que é Novilíngua? < George Orwell < Duplipensar.net Português do Brasil  English 
 

 
A novilíngua e o livro 1984 A novilíngua e 1984 de George Orwell A novilíngua e o livro 1984 A novilíngua e 1984 de George Orwell A novilíngua e o livro 1984 A novilíngua e 1984 de George Orwell A novilíngua e o livro 1984 A novilíngua e 1984 de George Orwell A novilíngua e o livro 1984 A novilíngua e 1984 de George Orwell  



Revisado em 03.02.2006




Publicidade


Novilínga é o idioma oficial na megabloco da Oceania do livro 1984 de George Orwell. Em sua obra-prima, Orwell imaginou um mundo dividido em três grandes blocos (Oceania, Lestásia e Eurásia). Na Oceania (Américas, Inglaterra, Sul da África e Austrália) os cidadãos falavam o inglês, mas todos os documentos eram escritos em novilíngua (newspeak).

Apesar de ser incentivada pelo Partido poucos eram os fluentes na novilíngua, uma versão reduzida do idioma inglês. A novilíngua era utilizada apenas nos artigos internos e oficiais. Os cidadãos utilizavam o inglês tradicional para se comunicar, já que a novilíngua era uma adaptação calculada do idioma britânico. O Partido previa que no ano de 2050 a novilíngua superasse o inglês como idioma corrente. Desta forma, não haveria possibilidade de pensamentos conflitantes com os interesses do governo.

O objetivo da implantação do novo idioma é reduzir o vocabulário ao extremo para diminuir a capacidade de pensamento, tornando as pessoas vulneráveis ao Partido. A eliminação de sinônimos, fusão de palavras tornava a relativização impossível. As novas palavras que foram criadas tinham a intenção de tornar várias obsoletas.
A cada edição do dicionário de novilíngua menos vocabulários estavam presentes. Assim o duplipensamento fica mais fácil de ser absorvido.

A novilíngua é divida em três grupos: A, B e C.

Grupo A da Novilíngua
Consiste nas palavras necessárias aos negócios e no uso cotidiano. As palavras do grupo A são quase inteiramente compostas por vocábulos tradicionais como beber, trabalhar e gostar. Mas o significado das palavras era restrito e induziam apenas a um sentido.

Grupo B da Novilíngua
Neste grupo estão as palavras construídas com um sentido político. Sem entender os princípios do Partido, torna-se difícil compreender estas palavras. Geralmente as novas palavras são uma fusão de duas ou mais para formar um novo vocábulo de fácil, extremamente fácil, pronunciação. Não havia portanto, uma forma etimológica nestas construções, o importante é que fosse fáceis de falar e gravar como "duplipensar". Algumas tem o sentido oposto como Ministério do Amor. Neste caso, as abreviações são muito usadas para desviar a associação ao conjunto de palavras que as formam. O longo Ministério do Amor era também conhecido pelo curtíssimo Miniamo.

Grupo C da Novilíngua
O último grupo de palavras refere-se aos termos técnicos e científicos. Qualquer cientista ou técnico poderia achar todas as palavras que precisasse numa lista dedicada a sua especialidade.

Com a novilíngua é impossível utilizar expressões contrárias aos interesses do Partido. Apesar de ser possível construir a frase "O Grande Irmão é imbom", é impossível sustentar com argumentos da novilíngua esta frase porque as palavras necessárias não estão mais disponíveis.

Com a novilíngua é possível dizer que todos os homens são iguais, mas impossível afirmar esta frase, pois o único significado que restou para a palavra "igual" estava na impossibilidade de todos os homens terem o mesmo peso, altura e cor de pele.

Havia um plano cuidadoso do Partido para a implementação da novilíngua. As pessoas não escreviam mais, apenas mandavam cartões postais com frases à la carte, bastava riscar as que não seriam utilizadas para poupar tempo e criação do remetente.

A novilíngua tornou-se presente após várias gerações. As palavras diminuíam na mesma proporção que o poder do Partido aumentava. O futuro vislumbrado por O'Brien se aproxima: uma bota pisando sobre um rosto humano.

Pequeno Dicionário de novilíngua:
Crimedeter - denúncia à crimidéia.
Crimidéia - agir contra o Partido. O acusado virava impessoa.
Duplipensar - capacidade de guardar simultaneamente na cabeça duas crenças contraditórias e aceitar ambas.
Dupliplusbom - mais forte que Plusbom.
Eurásia - megabloco ocidental (fezes da UE e ex-URSS).
Fraternidade - movimento revolucionário.
Imbom - elimina a palavra mau. Exemplo clássico do idioma.
Impessoa - persona non grata. Os acusados de impessoa eram geralmente vaporizados.
Eliminada de todas as formas, inclusive dos arquivos (geladeira).
Lestásia - megabloco oriental (países da leste asiático liderados por China e Japão).
Negrobranco - total controle da realidade. Afirmar que o negro pode ser branco se for preciso.
Oceania - megabloco de todos os oceanos (Alca, Reino Unido, Sul da África e o continente homônimo). Plusbom - palavra típica para eliminar diversos adjetivos como ótimo, perfeito, etc.
Vaporizar - eliminar.

Saiba mais sobre o livro 1984 de George Orwell
Saiba mais sobre a Biografia de George Orwell
Saiba mais sobre George Orwell

O que é Duplipensar?
O que é Teletela?
O que é O Grande Irmão?
O que são os Megablocos?


[+] Envie este artigo para um amigo: